• A Confederação Nagô-Macamba-Malunga dos Abolicionistas: O Movimento Social Abolicionista no Rio de Janeiro e as Ações Políticas de Libertos e Intelectuais Negros na Construção de um Projeto de Nação Para o Pós-Abolição no Brasil

    Júlio Cesar de Souza Dória

    Editora Dialética

    A Confederação Nagô-Macamba-Malunga dos Abolicionistas é resultado da dissertação de mestrado do autor e tem como mérito principal a abordagem empregada na análise do tema. De fato, é o que o leitor poderia esperar em se tratando de um assunto pesquisado e debatido desde há muito tempo na historiografia por pesquisadoras e pesquisadores renomados. Entretanto, não é apenas com uma abordagem original que Júlio Dória nos brinda com a sua pesquisa, mas, sobretudo, com os resultados apresentados a partir de uma análise mergulhada em fontes históricas igualmente originais que permitem ressemantizar e renomear um dos movimentos sociais mais importantes da história afro-brasileira. A trajetória do movimento é analisada sincronicamente em articulação com as trajetórias individuais daqueles que mais contribuíram para a organização da Confederação: homens negros e mestiços, das mais variadas condições sociais, mas com o devido destaque aos libertos e cativos na construção do movimento. É com este alcance analítico que se pode perceber com toda clareza a Confederação Abolicionista como um movimento social popular de alcance nacional com objetivos políticos bem delimitados, mas que não se limitavam apenas à eliminação da escravidão da sociedade e da legislação brasileiras. O que temos presente é bem mais do que isso, é uma proposta de transformação social elaborada por um movimento social afro-brasileiro.
    Ler mais Ler menos
    Pré-venda
    Este livro será lançado em
    Oba, você já comprou esse livro! Acesse o App e aproveite a leitura 😁
    Você já possui este livro através da parceria Skeelo + {partner} Acesse o App e aproveite a leitura 😁
    Páginas 188
    Peso do arquivo 1.99MB
    Ano da publicação 2021
    Tradutor(a)

    Sinopse

    A Confederação Nagô-Macamba-Malunga dos Abolicionistas é resultado da dissertação de mestrado do autor e tem como mérito principal a abordagem empregada na análise do tema. De fato, é o que o leitor poderia esperar em se tratando de um assunto pesquisado e debatido desde há muito tempo na historiografia por pesquisadoras e pesquisadores renomados. Entretanto, não é apenas com uma abordagem original que Júlio Dória nos brinda com a sua pesquisa, mas, sobretudo, com os resultados apresentados a partir de uma análise mergulhada em fontes históricas igualmente originais que permitem ressemantizar e renomear um dos movimentos sociais mais importantes da história afro-brasileira. A trajetória do movimento é analisada sincronicamente em articulação com as trajetórias individuais daqueles que mais contribuíram para a organização da Confederação: homens negros e mestiços, das mais variadas condições sociais, mas com o devido destaque aos libertos e cativos na construção do movimento. É com este alcance analítico que se pode perceber com toda clareza a Confederação Abolicionista como um movimento social popular de alcance nacional com objetivos políticos bem delimitados, mas que não se limitavam apenas à eliminação da escravidão da sociedade e da legislação brasileiras. O que temos presente é bem mais do que isso, é uma proposta de transformação social elaborada por um movimento social afro-brasileiro.
    Ler mais Ler menos

    Ficha técnica

    • Autor(a) Júlio Cesar de Souza Dória
    • Tradutor(a)
    • Gênero História Moderna
    • Editora Editora Dialética
    • Páginas 188
    • Ano 2021
    • Edição
    • Idioma Português
    • ISBN 9786559565474
    • Peso do arquivo 1.99MB