• Caminhos percorridos

    Maria José de Oliveira Assis

    Viseu

    Dos idos de 1947 até os dias de hoje, foi longa a caminhada. Antigamente, as pessoas, as coisas, os costumes e tradições eram muito diferentes dos dias atuais. Ter vivido as transformações desses tempos difíceis são casos para se relembrar e contar. De criança interiorana bom-despachense, dos cafundós dos Povoados do Pulador e do Mato Seco de 1947, muitos caminhos foram percorridos, para chegar a Bom Despacho de 2021. No ciclo rápido da vida, idas e vindas, os amigos, a família, uns partindo desse mundo e outros chegando, o destino foi deixando marcas e realizações que nem o tempo pode apagar. E, para partilhar alegrias e realizações, mostrando que a vida é para ser vivida com alegria e esperança é que foram escritas essas recordações, para levar aos interessados pela história e apreciadores de uma boa leitura, um pouco do trajeto dessa professora do ensino básico do interior de Minas Gerais. Um caminhar que mais parece uma história, que se passa nas roças, povoados e cidades de Bom Despacho, Martinho Campos e Dores do Indaiá. Uma vida dedicada à família, às boas tradições mineiras e ao processo de alfabetização de crianças que estudaram comigo, especialmente aos quatro filhos, todos meus alunos até o quarto ano de grupo. De família de professores, ingressando na profissão aos quatorze anos de idade, é também filha, esposa, companheira, amiga, mãe, e por quê não? Escritora!
    Ler mais Ler menos
    Oba, você já comprou esse livro! Acesse o App e aproveite a leitura 😁
    Você já possui este livro através da parceria Skeelo + {partner} Acesse o App e aproveite a leitura 😁
    Páginas 118
    Peso do arquivo 1.06MB
    Ano da publicação 2021
    Tradutor(a)

    Sinopse

    Dos idos de 1947 até os dias de hoje, foi longa a caminhada. Antigamente, as pessoas, as coisas, os costumes e tradições eram muito diferentes dos dias atuais. Ter vivido as transformações desses tempos difíceis são casos para se relembrar e contar. De criança interiorana bom-despachense, dos cafundós dos Povoados do Pulador e do Mato Seco de 1947, muitos caminhos foram percorridos, para chegar a Bom Despacho de 2021. No ciclo rápido da vida, idas e vindas, os amigos, a família, uns partindo desse mundo e outros chegando, o destino foi deixando marcas e realizações que nem o tempo pode apagar. E, para partilhar alegrias e realizações, mostrando que a vida é para ser vivida com alegria e esperança é que foram escritas essas recordações, para levar aos interessados pela história e apreciadores de uma boa leitura, um pouco do trajeto dessa professora do ensino básico do interior de Minas Gerais. Um caminhar que mais parece uma história, que se passa nas roças, povoados e cidades de Bom Despacho, Martinho Campos e Dores do Indaiá. Uma vida dedicada à família, às boas tradições mineiras e ao processo de alfabetização de crianças que estudaram comigo, especialmente aos quatro filhos, todos meus alunos até o quarto ano de grupo. De família de professores, ingressando na profissão aos quatorze anos de idade, é também filha, esposa, companheira, amiga, mãe, e por quê não? Escritora!

    Ficha técnica

    • Autor(a) Maria José de Oliveira Assis
    • Tradutor(a)
    • Gênero Contemporâneo
    • Editora Viseu
    • Páginas 118
    • Ano 2021
    • Edição
    • Idioma Português
    • ISBN 9786525401843
    • Peso do arquivo 1.06MB