• Clarissa: A construção de masculinidades como metáforas da sociedade gaúcha da década de 1930

    Heidy Cristina Boaventura Siqueira

    Viseu

    Esta pesquisa analisa como as masculinidades dos personagens do primeiro romance de Erico Veríssimo, Clarissa, publicado em 1933, são construídas e expressadas como metáforas da sociedade gaúcha da década de 1930. O estudo da biografia, obra e fortuna crítica de Veríssimo, e a contextualização do romance Clarissa no conturbado período de 1930 atestam que as masculinidades expressas pelos personagens podem ser refletidas como críticas a uma sociedade que, visando o capital, engendra o masculino e a literatura que romantizou estereótipos de heróis. Perquire, ainda, como o desempenho sexual, o êxito profissional, o imaginário de guerra, a religião e as artes reverberam no modo de ser do homem, exteriorizando-se nas suas premissas morais, modo de viver e pensar socialmente.
    Ler mais Ler menos
    Oba, você já comprou esse livro! Acesse o App e aproveite a leitura 😁
    Você já possui este livro através da parceria Skeelo + {partner} Acesse o App e aproveite a leitura 😁
    Páginas 156
    Peso do arquivo 0.31MB
    Ano da publicação 2021
    Tradutor(a)

    Sinopse

    Esta pesquisa analisa como as masculinidades dos personagens do primeiro romance de Erico Veríssimo, Clarissa, publicado em 1933, são construídas e expressadas como metáforas da sociedade gaúcha da década de 1930. O estudo da biografia, obra e fortuna crítica de Veríssimo, e a contextualização do romance Clarissa no conturbado período de 1930 atestam que as masculinidades expressas pelos personagens podem ser refletidas como críticas a uma sociedade que, visando o capital, engendra o masculino e a literatura que romantizou estereótipos de heróis. Perquire, ainda, como o desempenho sexual, o êxito profissional, o imaginário de guerra, a religião e as artes reverberam no modo de ser do homem, exteriorizando-se nas suas premissas morais, modo de viver e pensar socialmente.

    Ficha técnica

    • Autor(a) Heidy Cristina Boaventura Siqueira
    • Tradutor(a)
    • Gênero Teoria e Crítica Literária
    • Editora Viseu
    • Páginas 156
    • Ano 2021
    • Edição
    • Idioma Português
    • ISBN 9786559853021
    • Peso do arquivo 0.31MB