• Do contrato de intermediação: o agente intermediador nos contratos empresariais de compra e venda no e-commerce

    Fabrício Gonçalves de Souza Sabina

    Editora Dialética

    As peculiaridades que a internet atribui aos contratos de compra e venda celebrados em seu bojo ? contratos eletrônicos ? são marcantes quando se tem em foco a divergência e o inadimplemento obrigacional na fase de execução contratual. Nesse sentido, na medida em que a boa-fé e a probidade nem sempre estão presentes na atuação das partes contratantes nas relações jurídicas, além do fato da possibilidade sempre presente da ocorrência de litígios, o ideal é que haja meios que resguardem o comprador de fraudes, e, em simetria, desestimulem o vendedor de práticas lesivas. A solução mais eficaz para toda a problemática que gravita em torno do contrato eletrônico de compra e venda é a atuação de um terceiro representando, tanto o comprador, quanto o vendedor, portanto, externo à compra e venda, atuando como guardião do preço, para fins de controlar o repasse do pagamento ao vendedor e de fiscalizar a entrega do bem ao comprador. Nesse cenário, são exemplos de exploração desse nicho mercadológico "Mercado Livre", Pay Pal e "Mercado Pago." Destarte, erigiu-se, como a mais eficaz proposta de solução às controvérsias suscetíveis de ocorrerem nessa "relação jurídica virtual" e de tutela da efetividade dos negócios eletrônicos de compra e venda firmados, o instituto do Contrato de Intermediação e seu mais característico personagem, o Agente Intermediador.
    Ler mais Ler menos
    Pré-venda
    Este livro será lançado em
    Oba, você já comprou esse livro! Acesse o App e aproveite a leitura 😁
    Você já possui este livro através da parceria Skeelo + {partner} Acesse o App e aproveite a leitura 😁
    Páginas 216
    Peso do arquivo 1.75MB
    Ano da publicação 2021
    Tradutor(a)

    Sinopse

    As peculiaridades que a internet atribui aos contratos de compra e venda celebrados em seu bojo ? contratos eletrônicos ? são marcantes quando se tem em foco a divergência e o inadimplemento obrigacional na fase de execução contratual. Nesse sentido, na medida em que a boa-fé e a probidade nem sempre estão presentes na atuação das partes contratantes nas relações jurídicas, além do fato da possibilidade sempre presente da ocorrência de litígios, o ideal é que haja meios que resguardem o comprador de fraudes, e, em simetria, desestimulem o vendedor de práticas lesivas. A solução mais eficaz para toda a problemática que gravita em torno do contrato eletrônico de compra e venda é a atuação de um terceiro representando, tanto o comprador, quanto o vendedor, portanto, externo à compra e venda, atuando como guardião do preço, para fins de controlar o repasse do pagamento ao vendedor e de fiscalizar a entrega do bem ao comprador. Nesse cenário, são exemplos de exploração desse nicho mercadológico "Mercado Livre", Pay Pal e "Mercado Pago." Destarte, erigiu-se, como a mais eficaz proposta de solução às controvérsias suscetíveis de ocorrerem nessa "relação jurídica virtual" e de tutela da efetividade dos negócios eletrônicos de compra e venda firmados, o instituto do Contrato de Intermediação e seu mais característico personagem, o Agente Intermediador.
    Ler mais Ler menos

    Ficha técnica

    • Autor(a) Fabrício Gonçalves de Souza Sabina
    • Tradutor(a)
    • Gênero Comércio Exterior
    • Editora Editora Dialética
    • Páginas 216
    • Ano 2021
    • Edição
    • Idioma Português
    • ISBN 9786559560929
    • Peso do arquivo 1.75MB