• O "Bom Professor" de Educação Física: Algumas de suas Práticas

    Luís Eduardo Moraes Sinésio, Rafael Presotto Vicente Cruz

    Editora Appris

    O livro O bom professor de Educação Física: algumas de suas práticas lança um novo olhar sobre aspectos das práticas pedagógicas da disciplina de Educação Física no contexto da escolarização dos anos iniciais do ensino fundamental na Reme (Rede municipal de ensino de Campo Grande – MS). Nesse sentido, a obra é subsidiada pelos pressupostos teóricos e metodológicos do pensador contemporâneo Michael Foucault. Em seus estudos, Foucault identificou o papel das instituições sociais em relação às práticas sociais, identificando as relações de poder e saber estabelecidas no campo social. Foucault procura compreender como os discursos institucionais estabelecem mecanismos de controle social e, no caso mais específico desse estudo, o corpo como forma de instrumentalizar esses poderes. Desde então, a questão da subjetividade é colocada como forma de compreender certa realidade, uma vez que o "bom professor" foi considerado pelos discursos como sendo aquele que estabelece controle disciplinar sobre os sujeitos (crianças), bem como a sua prática pedagógica institucional. Espero que esta obra contribua aos leitores profissionais da área e/ou aos leitores de modo geral, no sentido de refletir sobre o tratamento que é dado ao corpo no que diz respeito à produção do conhecimento, uma vez que a história nos leva a pensar que as instituições são potencializadoras de mecanismos de controle da sociedade, deixando de lado o mais importante: a aprendizagem, e não o processo meramente mecânico e disciplinador de suas práticas docentes.
    Ler mais Ler menos
    Pré-venda
    Este livro será lançado em
    Oba, você já comprou esse livro! Acesse o App e aproveite a leitura 😁
    Você já possui este livro através da parceria Skeelo + {partner} Acesse o App e aproveite a leitura 😁
    Páginas 141
    Peso do arquivo 0.97MB
    Ano da publicação 2021

    Sinopse

    O livro O bom professor de Educação Física: algumas de suas práticas lança um novo olhar sobre aspectos das práticas pedagógicas da disciplina de Educação Física no contexto da escolarização dos anos iniciais do ensino fundamental na Reme (Rede municipal de ensino de Campo Grande – MS). Nesse sentido, a obra é subsidiada pelos pressupostos teóricos e metodológicos do pensador contemporâneo Michael Foucault. Em seus estudos, Foucault identificou o papel das instituições sociais em relação às práticas sociais, identificando as relações de poder e saber estabelecidas no campo social. Foucault procura compreender como os discursos institucionais estabelecem mecanismos de controle social e, no caso mais específico desse estudo, o corpo como forma de instrumentalizar esses poderes. Desde então, a questão da subjetividade é colocada como forma de compreender certa realidade, uma vez que o "bom professor" foi considerado pelos discursos como sendo aquele que estabelece controle disciplinar sobre os sujeitos (crianças), bem como a sua prática pedagógica institucional. Espero que esta obra contribua aos leitores profissionais da área e/ou aos leitores de modo geral, no sentido de refletir sobre o tratamento que é dado ao corpo no que diz respeito à produção do conhecimento, uma vez que a história nos leva a pensar que as instituições são potencializadoras de mecanismos de controle da sociedade, deixando de lado o mais importante: a aprendizagem, e não o processo meramente mecânico e disciplinador de suas práticas docentes.
    Ler mais Ler menos

    Ficha técnica

    • Autor(a) Luís Eduardo Moraes Sinésio, Rafael Presotto Vicente Cruz
    • Tradutor(a)
    • Gênero Esportes e Educação Física
    • Editora Editora Appris
    • Páginas 141
    • Ano 2021
    • Edição
    • Idioma Português
    • ISBN 9786555234626
    • Peso do arquivo 0.97MB