• Queria não ser poeta, pois ia ser feliz

    David Lisboa

    Chiado Brasil

    Nessa obra, o autor descreveu em poesias, algumas experiências pessoais que retratam amizades e relacionamentos amorosos, além de paixões platônicas. As prosas revelam a forma como o autor vê o mundo, as pessoas e o seus próprios sentimentos. Suas poesias tendem a ter um ar triste e melancólico. "Foi a forma que encontrei para tirar um pouco da tristeza que habitava dentro de mim. Depois que escrevia uma poesia, era como se conseguisse me sentir feliz, coisa que segundos antes, não conseguiria."
    Ler mais Ler menos
    Oba, você já comprou esse livro! Acesse o App e aproveite a leitura 😁
    Você já possui este livro através da parceria Skeelo + {partner} Acesse o App e aproveite a leitura 😁
    Páginas 180
    Peso do arquivo 0.36MB
    Ano da publicação 2020
    Tradutor(a)

    Sinopse

    Nessa obra, o autor descreveu em poesias, algumas experiências pessoais que retratam amizades e relacionamentos amorosos, além de paixões platônicas. As prosas revelam a forma como o autor vê o mundo, as pessoas e o seus próprios sentimentos. Suas poesias tendem a ter um ar triste e melancólico. "Foi a forma que encontrei para tirar um pouco da tristeza que habitava dentro de mim. Depois que escrevia uma poesia, era como se conseguisse me sentir feliz, coisa que segundos antes, não conseguiria."

    Ficha técnica

    • Autor(a) David Lisboa
    • Tradutor(a)
    • Gênero Poesia
    • Editora Chiado Brasil
    • Páginas 180
    • Ano 2020
    • Edição
    • Idioma Português
    • ISBN 9789895281381
    • Peso do arquivo 0.36MB